Pantanal de Miranda.

Localizada exatamente a meio caminho entre Campo Grande (capital do Estado de Mato Grosso do Sul) e Corumbá (fronteira com a Bolívia), a cidade de Miranda é considerada como a "porta de entrada" para o Pantanal, já que a grande planície alagável do planeta começa a ser percebida, principalmente nos meses de cheia, praticamente dentro da cidade. Quem trafega pela BR-262, já começa a avistar os alagados assim que ultrapassa o trevo de acesso à cidade, na direção de Corumbá.

Na cidade de Miranda e em seus arredores já se observa a flora tipicamente pantaneira, assim como sua fauna típica, com maior destaque para as aves. Da mesma forma, a partir da entrada de Miranda, começam a se avolumar os atrativos colocados à disposição dos turistas, como áreas de camping, hotéis, pesqueiros e outros. Por esse motivo, Miranda é considerada uma espécie de vitrine que apresenta aos visitantes toda a exuberância da flora e fauna pantaneiras.

Geograficamente, o município de Miranda pertence a Bacia Hidrográfica do Paraguai, área rica em potencialidade de recursos naturais, com economia tradicionalmente baseada na pecuária. A piscosidade dos rios da região sempre atraiu uma grande quantidade de amantes da pesca esportiva. Porém, as belezas naturais desta região vem transformando a região do Pantanal do Rio Miranda em um verdadeiro santuário para os praticantes de turismo ecológico e rural. Os principais cursos d’água do município são os rio Miranda e Salobra, cujo encontro das águas, que ocorre próximo ao centro urbano, se constitui em um atrativo que o turista não pode deixar de conhecer.

Modalidades de turismo predominantes:

- Ecoturismo: caminhadas, safári fotográfico, focagem noturna, passeios fluviais e observação de aves;
- Turismo rural: cavalgada, dia-a-dia das fazendas e do homem pantaneiro;
- Pesca esportiva.

 

Serra da Bodoquena.

A Serra da Bodoquena, que ocupa a porção sudoeste do Estado de Mato Grosso do Sul, é conhecida por sua riquíssima diversidade paisagística, caracterizada pela a geologia altamente favorável s formação de nascentes de águas cristalinas, grutas e inúmeras cachoeiras.

A cidade de Bonito, mundialmente conhecida, é um dos melhores opções para o turismo de lazer, com seus rios de águas totalmente transparentes, centenas de cachoeiras e grutas de beleza incomparável, além de fauna e flora exuberantes, além de possuir umas das melhores e mais organizadas estruturas de turismo do Brasil.

As cidades de Jardim e Bodoquena, situadas na mesma região, possuem características idênticas, oferecendo excelentes atrativos e jornadas inesquecíveis.

Modalidades de turismo predominantes:

- Turismo de ecológico e rural: caminhadas, cavalgadas e visitação a grutas;
- Turismo de aventura: rapel, tirolesa, arborismo, flutuação (snorkelling), mergulho autônomo;
- Balneários, campings e similares: banhos de rios e cachoeiras, flutuação e outras atividades relacionadas com o ecoturismo e aventura.

A melhor infraestrutura de apoio ao turista na região do Pantanal do Rio Miranda! Faça já a sua reserva online.

Hotel Querência - Todos os Direitos Reservados.
Translate »